IDHM LONGEVIDADE

• A expectativa de vida cresceu, no país, 14% (9,2 anos) entre 1991 e 2010

Entre os municípios:
Ela ainda varia de 65 a 79 anos
Uma diferença de 14 anos entre a mais alta e mais
baixa
esperança de vida ao nascer

• O IDHM Longevidade é o subíndice que apresenta a maior redução na diferença entre o maior e o menor resultado encontrado nos municípios brasileiros nas últimas duas décadas: 0,222

• Todos os municípios brasileiros estão na faixa de Médio, Alto ou Muito Alto Desenvolvimento Humano no IDHM Longevidade

Entre 2000 e 2010,
39% dos municípios apresentaram crescimento acima
da média
de crescimento nacional, com destaque para
Norte e Nordeste

Entre 2010,
42% dos municípios têm IDHM Longevidade acima do Brasil (0,816)
No Sul, chega a 76%, com destaque para SC

Nordeste
54% dos municípios ainda apresentam IDHM Longevidade baixo (entre
os 20% valores mais baixos desta dimensão no país)
Mas 1.193 dos 1.704 municípios (66%) apresentam, na última
década, crescimento superior ao observado para o Brasil

Mais alto IDHM Longevidade:
0,894  78,6 anos de esperança de
vida ao nascer
Blumenau (SC), Brusque (SC),
Balneário Camboriú (SC), Rio do
Sul (SC)

Mais baixo IDHM Longevidade:
0,672 65,3 anos de esperança de
vida ao nascer
Cacimbas (PB) e Roteiro (AL)